Paulo Kogos no Pânico: entrevista completa

Entrevista completa do Paulo Kogos cedida ao programa Pânico no dia 6 de novembro de 2020, onde ele conversou sobre diversos assuntos, como Escola Austríaca, Islamismo, politicamente correto e outros tópicos interessantes.

Classificação: 5 / 5. Votos: 1.

Paulo Kogos no Pânico: entrevista completa

Entrevista completa do Paulo Kogos cedida ao programa Pânico, da Jovem Pan, no dia 6 de novembro de 2020, onde ele conversou sobre diversos assuntos, como Escola Austríaca, Islamismo, politicamente correto, extrema-direita, a situação europeia atual, cristofobia, anarcocapitalismo, economia e outros tópicos interessantes.

O youtuber, estudante de filosofia e empresário também falou na entrevista ao Pânico sobre as dificuldades de separar as diferenças nas ideologias políticas das amizades. Ele afirmou que “ainda falta muita consciência política” e que as pessoas precisam entender que “a direita tem a razão”.

Kogos revelou que seu interesse por política foi despertado através da relação com o avô. “Meu avô me deu uma espécie de homeschooling quando eu era pequeno, ali eu realmente aprendi as coisas que sei. A escola só me estragou. Sempre fui de direita, mas defendia o neoliberalismo, cheguei até a gostar da ditadura militar“, mas disse que “estudando a Escola Austríaca de economia entendi que, invariavelmente, as intervenções do estado na economia são péssimas. Isso é uma lei universal. Por isso, tudo em uma sociedade deveria ser provido pelos meios mercadológicos, inclusive a defesa e a justiça”.

Durante a entrevista, Kogos também considerou que, em seu discurso na 75ª Assembleia Geral da ONU, em 22 de setembro, “o Bolsonaro acertou, existe cristofobia. É um problema que atinge todo o mundo. Está na Bíblia que nós, cristãos, seríamos perseguidos. Podemos ver que, principalmente nos países comunistas, os cristãos são proibidos de exercerem a fé. A cristofobia não acontece apenas através da violência física, mas pela ridicularização dos fiéis que querem exercer seus direitos como cidadãos. Hoje, no Brasil, a esquerda impede os cristãos de fazerem leis contra o aborto, por exemplo, usando o argumento de que o estado é laico. Em outras palavras, um estado laico é um estado ateu anti-cristão. Inventaram um ateísmo de estado disfarçado de politicamente correto”.

Ah sim. Ao contrário do que alguns esperavam, Samy Dana ficou bem comportadinho frente a frente com o Kogos.

Veja também

Adicionado em: 10 de novembro de 2020

Visualizações: 7

Duração: 31:36

Categorias: Entrevistas

Tags: , , , ,

Canal: Jovem Pan


Link:

Deixe um comentário

Alguns posts relacionados