Infectologista afirma que Átila Iamarino recebeu R$ 360 mil para defender lockdown

Segundo médico infectologista, o youtuber Átila Iamarino recebeu R$ 360 mil para defender o lockdown em 2020. Outros defensores desta medida incluem checadores, jornais e outros ‘divulgadores científicos’.

Publicado em 12 de agosto de 2022, às 13:45, por: Equipe Direita Realista.

Infectologista afirma que em 2020, o youtuber e “divulgador científico” Átila Iamarino recebeu R$ 360 mil para defender o lockdown, aquela medida autoritária, antiética e imoral e ineficiente tomada por parasitas estatais para combater a Peste Chinesa.

No Twitter, o médico Ricardo Ariel Zimerman, disse que Iamarino teria recebido R$ 30 mil por mês para dar respaldo “científico” ao lockdown, que custaria milhares de empregos”:

Além do youtuber, de acordo com o Brasil Sem Medo, também aparecem na lista de pagamento do Serrapilheira, o Instituto Questão de Ciência, da ativista e “divulgadora de ciência”, Natália Pasternak; o jornal Folha da Manhã, do Grupo Folha; o Centro de Jornalismo Investigativo, ligado ao governo do Canadá e; a agência de “checadores” Lupa.

Ainda segundo a fonte, todos os beneficiados pela entidade são conhecidos pela atuação contrária ao tratamento precoce da doença chinesa e favorável às medidas restritivas impostas por prefeitos e governadores nos últimos dois anos sob a justificativa de combater o vírus chinês.

Abaixo, segue a lista completa de beneficiados (página 92):

Átila ficou conhecido em todo o país quando repercutiu previsões catastróficas do Imperial College que se mostraram erradas. Enfim, se confirmada essa hipótese, é o que todo mundo já imaginava.

A seguir, tem um vídeo do canal do Dr. Zimerman onde ele faz uma retrospectiva da pandemia, expondo os maiores erros:

Extra

Temos também um vídeo mais ou menos aleatório de nosso canal:

Últimas notícias



Este post está arquivado em: Notícias

Marcadores: ,

Publicado por: Equipe Direita Realista

Classificação: 0 / 5. Votos: 0.

Deixe um comentário

Alguns posts relacionados