Fórmula 1 resolve voltar ao Rio e cidade ganhará autódromo com o nome de Ayrton Senna

Publicado em 8 de maio de 2019, às 15:55.

A Fórmula 1 resolve voltar ao Rio de Janeiro e cidade ganhará autódromo com o nome de Ayrton Senna, tricampeão brasileiro e um dos ícones da categoria. A cidade foi escolhida pela FIA, que decidiu permanecer no Brasil, mas que então não renovará o contrato com Interlagos (em São Paulo), o qual se encerrará no próximo ano.

O Rio de Janeiro já teve um circuito deste nível que também foi batizado com o nome de um tricampeão, o Autódromo Internacional Nelson Piquet (ou Autódromo de Jacarepaguá), o qual sediou várias provas da F1, da Indy e da MotoGP e aparecia muito em videojogos de Fórmula 1 do passado. Este autódromo foi demolido, junto com grande parte da história do automobilismo brasileiro, para as obras das Olimpíadas de 2016, fruto de decisões megalomaníacas e irresponsáveis da era Lula/Dilma.

Já o futuro circuito brasileiro será construido em um terreno cedido pelo Exército na Zona Norte do Rio. Ele será batizado com o nome do Senna a pedido do presidente Jair Bolsonaro, que comentou a decisão da FIA, dizendo que isto significará que “milhares de empregos serão criados, beneficiando a economia e a população do estado”, ressaltando em outro tweet que o “investimento será totalmente de iniciativa privada, com custo ZERO para os cofres públicos”:

A decisão foi anunciada pelo prefeito do Rio, Marcello Crivella, nesta quarta-feira (8), ao assinar um termo de compromisso para uso do local.

Mais notícias e informações



Este post está arquivado em: Notícias

Marcadores:

Classificação: 0 / 5. Votos: 0.

Deixe um comentário

Alguns posts relacionados

Newsletter

Assine a nossa newsletter e faça parte dos nossos assinantes!