Médico que assinou artigo em favor de vacinar adolescentes tem contrato com a Pfizer

Médico que assinou artigo em favor de vacinar adolescentes tem contrato com a Pfizer, recebendo dois mil euros por mês por cargo de consultor na empresa. Interessante.

Publicado em 27 de novembro de 2021, às 10:13, por: Equipe Direita Realista.

Luís Varandas, um médico português que assinou artigo em favor de vacinar adolescentes, tem contrato com a Pfizer e recebe dois mil euros por mês pelo cargo de consultor na empresa.

Segundo o Sábado, Luís Varandas recebeu nos últimos quatro anos 33.519 euros da Pfizer, entre verbas pagas por palestras nas quais foi orador, gravações de vídeos sobre vacinas e o referido contrato de consultoria científica (que vale dois mil euros mensais). O contrato aumentou o envolvimento entre as duas partes – cerca de 58% do total recebido (19.573 euros) foi encaixado já este ano. Realmente interessante.

O médico perito em infectologia trabalha no Hospital Pediátrico Dona Estefânia, em Lisboa, tem carreira acadêmica na Universidade Nova e foi coordenador da comissão de vacinas da Sociedade Portuguesa de Pediatria – este é um órgão influente, que emite recomendações aos pediatras e outros profissionais de saúde sobre as vacinas a dar às crianças, incluindo as que estão fora do Programa Nacional de Vacinação.

Como era de se esperar, o médico e o laboratório defendem que a relação é de caráter científico e negam conflitos de interesses. Mas ainda resta a pergunta ao leitor: você nasceu ontem?

Abaixo, segue um vídeo não relacionado e escolhido de forma aleatória:

Veja também



Este post está arquivado em: Notícias

Marcadores:

Publicado por: Equipe Direita Realista

Classificação: 0 / 5. Votos: 0.

Deixe um comentário

Alguns posts relacionados