Olavo de Carvalho – Vai começar o carnaval no Brasil… (Vídeo)

Olavo de Carvalho apresenta uma canção do G.R.E.S. Casa do Caralho que representa muito bem o sentimento de quando vai começar o carnaval no Brasil. Acesse aqui a descrição completa.


Descrição

Neste vídeo, Olavo de Carvalho (1947-2022) apresenta a música Puta que Pariu, a muito bem humorada canção do G.R.E.S. Casa do Caralho que representa muito bem o sentimento de quando vai começar a desgraça conhecida como carnaval no Brasil.

Este trecho foi retirado do final da edição do True Outspeak dia 28 de fevereiro de 2011, quando o filósofo brasileiro se divertiu bastante quando nos mostrava a música deste grêmio recreativo.

Letra da música

Puta que pariu, começou o carnaval no Brasil
Vai toma no cu, é barulheira de norte a sul

O povo só enchendo a cara
Ninguém trabalha. Ê Brasil
Quase tudo vira um caralho
E eu no trabalho só tomando no chibiu
É deputado fantasiado, só tem viado nessa joça
Desligo a televisão e vou jogar botão que é melhor que essa bosta

Puta que pariu, começou o carnaval no Brasil
Vai toma no cu, é barulheira de norte a sul

E lá na Bahia é putaria, é bacanal
O carnaval começa agora
E vai durar até perto do Natal
É muita puta com turista
E um malabarista de orixá
No terreiro, um índio da mata
Agora acha que é um faraó

Puta que pariu, começou o carnaval no Brasil
Vai toma no cu, é barulheira de norte a sul

E eu que tô de saco cheio
Do Rio de Janeiro e seus traficantes
Os blocos se acotovelando
Mijando em tudo que vem pela frente
Pode me chamar de velho, me xingar de chato
Que eu to cagando
Isso é coisa do governo e da Globo
Que só tão de olho é na nossa grana

Veja também

Mais informações

Disclaimer: exceto quando explicitado na publicação, não temos nenhuma ligação com o conteúdo divulgado ou seuu(s) criador(es). É também interessante notar que, apesar do nome do site, nem todo conteúdo publicado aqui pode ser rotulado como "de direita" ou de algo que o valha. Pode ser simplesmente algo interessante e/ou edificante que mereça ser arquivado ou pra realizar um simples registro histórico. Saiba mais sobre o Direita.TV aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *