Revolução e contrarrevolução

Allan dos Santos e Rodolpho Loreto comentam e ensinam o que é realmente ser contra-revolucionário, seus desdobramentos e como fazer sua implantação. Clique aqui para a descrição completa.


Descrição

Este vídeo traz uma explicação do dr. Plínio Corrêa de Oliveira sobre o que é revolução e contrarevolução, mostrando como o processo revolucionário iniciado nos fins da Idade Média, depois de 500 anos conduziu a humanidade ao caos em que vivemos.

Esta conferência de 22 de outubro de 1983 nos ajuda a compreender a tese defendida por Plínio Corrêa no seu principal livro, Revolução e Contra-Revolução.

Segundo este artigo no site oficial do IPCO, para compreender a atual crise que o mundo passa é necessário entender como chegamos aqui. A civilização Cristã tem um terrível inimigo que “se chama Revolução. Sua causa profunda é uma explosão de orgulho e sensualidade que inspirou, não diríamos um sistema, mas toda uma cadeia de sistemas ideológicos. Da larga aceitação dada a estes no mundo inteiro, decorreram as três grandes revoluções da história do ocidente: a pseudo-Reforma, a Revolução Francesa e o comunismo“.

Veja também

Mais informações

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *