Brasil Paralelo – A história do Papai Noel e curiosidades do Natal

Insight da Brasil Paralelo com a história de São Nicolau de Mira, o verdadeiro Papai Noel, e algumas curiosidades do Natal, o que inclui a origem de certos símbolos e costumes tradicionais desta época do ano. Clique aqui para a descrição completa.


Descrição

Esse Insight da Brasil Paralelo originalmente exibido a 8 de dezembro de 2021 traz a história de São Nicolau de Mira, o verdadeiro Papai Noel, e algumas curiosidades do Natal, o que inclui a origem de certos símbolos e costumes tradicionais desta época do ano.

Tudo começou por volta de 270 d.C., na região da atual Turquia. Nicolau nasceu em uma família nobre, muito católica e foi educado na verdadeira fé desde cedo. Ainda bem jovem, ficou órfão e herdou uma fortuna que passou a usar em benefício dos mais pobres. Já adulto, mudou-se para a cidade de Mira. Queria viver mais recolhido, mas foi aclamado bispo pelo povo. Nicolau era conhecido por dar esmolas e presentes secretos aos necessitados. Todos viam nele um homem extremamente caridoso.

No ano de 325 d.C, um concílio foi convocado em Niceia, atual Turquia, para discutir as heresias que Ário, presbítero de Alexandria, estava espalhando. O arianismo negava a divindade de Cristo, a Trindade e outras coisas, e estava causando uma grande confusão na Igreja.

Já cansado de tanto ouvir essas baboseiras heréticas, o corajoso bispo Nicolau, ao se encontrar com Ário, lhe deu uma boa bofetada pra este deixar de ser besta, provavelmente antes do início do concílio, algo que, diga-se de passagem, foi retratado em belas pinturas, como a obra de Giovani Gasparro (2016).

Pela bordoada, São Nicolau foi preso pelos outros bispos e teve suas cópias das Escrituras e suas vestes episcopais confiscadas. Entretanto, Alguns dias depois do ocorrido, os próprios Jesus e Maria visitaram o bispo em sua cela e, imediatamente, foram-lhe devolvidos os símbolos de sua dignidade episcopal. É por isso que, em muitos ícones do santo, é possível vê-lo ladeado de Nosso Senhor e de Nossa Senhora, respectivamente com um livro e um pálio nas mãos. Destituído do ofício episcopal por seus irmãos, o bispo de Mira terminou o grande Concílio de Niceia readmitido diretamente pelo próprio Deus.

Hoje, ele é conhecido como São Nicolau de Mira, padroeiro da Rússia, Grécia e Noruega, das cidades de Moscou e Amsterdã. É ainda protetor dos marinheiros e patrono dos guardas noturnos na Armênia e dos coroinhas na cidade de Bari, na Itália, onde estão sepultados seus restos mortais.

São Nicolau de Mira,
rogai por nós!

Mais Natal

Mais informações

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *