Olavo de Carvalho – O prazer é uma ilusão

O filósofo brasileiro Olavo de Carvalho aconselha a deixar de ser escravo do prazer, argumentando que isto não passa de uma ilusão. Se o prazer deixasse alguém satisfeito, grandes gênios sequer existiriam. Clique aqui para a descrição completa.


Descrição

Neste trecho retirado da aula de número 2 do seu Curso Online de Filosofia, Olavo de Carvalho (1947-2022) aconselha a deixar de ser escravo do prazer, argumentando que isto não passa de uma ilusão.

Segundo o filósofo brasileiro, a”realização da pessoa humana não é um elemento que exista como valor na sociedade brasileira. Ninguém liga para isso, isso não é importante para as pessoas”.

O que todos querem é um bom emprego, que pague bem o suficiente para que seja possível viver sem qualquer preocupação vocacional; ou, então, algo que lhes encha de prazer, seja agradável de se fazer.

Mas, a verdade é que todas essas coisas são ilusórias.

Afinal de contas, todos são dinheiristas no Brasil, mas quantos realmente são ricos? Se amor ao dinheiro deixasse alguém com os bolsos cheios, todos seriam milionários. Se o prazer deixasse alguém satisfeito, grandes gênios sequer existiriam.

A vocação não tem nada a ver com dinheiro ou prazer, é uma outra coisa. Assista o vídeo “A Realização da Vida Humana” e aprenda com Olavo de Carvalho o que, de fato, ela significa, como pode ser descoberta e vivenciada profundamente.

A aula completa é datada do dia 14 de março de 2009.

Conteúdo relacionado

Mais informações

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *