Base na Antártida tem surto de Peste Chinesa

Em dezembro de 2021, um surto de Peste Chinesa atingiu uma base belga na Antártida, onde 16 dos 25 membros testaram positivo para a Peste Chinesa. Apenas vacinados contra a doença são permitidos no local.

Publicado em 7 de fevereiro de 2022, às 21:57, por: Equipe Direita Realista.

Essa notícia já não é tão fresca, mas vale a pena registrar aqui por ser interessante, visto que ela fala sobre uma base na Antártida onde 16 dos 25 membros testaram positivo para a Peste Chinesa mesmo com todos vacinados e evidentemente fazendo isolamento social do resto do mundo.

Segundo a Revista Oeste, em meados de dezembro de 2021, esta base belga na Antártida, Estação Polar Princesa Elisabeth, estava passando por um surto de vírus chinês. Apenas vacinados contra a doença são permitidos no local.

O surto começou em 14 de dezembro, e primeira contaminação pela Peste Chinesa foi registrada em uma equipe que havia chegado uma semana antes. Esse grupo ficou em isolamento, bem como outras pessoas que testaram positivo posteriormente. Ainda assim, o vírus chinês continuou circulando.

Essa foi a segunda base na Antártida a passar por um surto de vírus chinês.


Abaixo, tem o trailer do O Enigma do Outro Mundo (The Thing). Colocamos aqui porque essa história nos lembrou desse filme de 1982:

Últimas notícias



Este post está arquivado em: Notícias

Marcadores: ,

Publicado por: Equipe Direita Realista

Classificação: 0 / 5. Votos: 0.

Deixe um comentário

Alguns posts relacionados