Estudo da Fiocruz mostra que o vírus chinês já circulava no Brasil antes do carnaval

Um estudo da Fiocruz mostra que o vírus chinês já circulava no Brasil antes do carnaval, evento promovido pelos mesmos governadores e prefeitos que estão agredindo a população com lockdowns e outros absurdos. Clique aqui para a descrição completa.


Descrição

Um estudo da Fiocruz mostra que o vírus chinês já circulava no Brasil antes do carnaval, evento fortemente promovido pelos mesmos governadores e prefeitos que estão sistematicamente agredindo a população com lockdowns e outros absurdos com a desculpa de combater a pandemia.

Trabalho mostra que o Sars-CoV-2 começou a se espalhar no País ainda na primeira semana de fevereiro e já estava circulando havia pelo menos 20 dias no Brasil quando multidões tomaram as ruas de grandes cidades para celebrar o carnaval, revela um estudo divulgado nesta segunda-feira, 11, pelo Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz).

Este vídeo faz a leitura do artigo “Estudo da Fiocruz revela que o novo coronavírus já circulava no Brasil antes do carnaval“, escrito por Roberta Jansen e publicado no dia 11 de maio de 2020.

Últimas notícias

Mais informações

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *