Dr. Jordan Peterson comenta sobre a Disney e a arte narrativa (Vídeo)

Dr. Jordan Peterson comenta sobre a Disney e a arte narrativa. Aqui, podemos conhecer uma parte de seu pensamento sobre as artes narrativas, o que se relaciona intimamente à cultura e aos relacionamentos humanos. Acesse aqui a descrição completa.


Descrição

Dr. Jordan Peterson comenta sobre a Disney e a arte narrativa em um trecho de uma entrevista que ele cedeu ao Rubin Report e que foi traduzido e legendado em Português pelos Tradutores de Direita. Aqui, podemos conhecer uma parte de seu pensamento sobre as artes narrativas, o que acaba se relacionando intimamente não apenas com a cultura, mas também com os relacionamentos humanos.

A resenha abaixo é de autoria dos próprios Tradutores de Direita:

Gilbert Murray, no prefácio para umas das traduções de “A Poética”, de Aristóteles, aponta que, se considerado de maneira mais literal, o início do texto do filósofo declara que, para uma obra ser bem sucedida, é necessária a adequação dos mitos que serão nela retratados. Mais adiante, ainda em “A Poética”, vemos que algumas tragédias são inspiradas por eventos reais sofridos por famílias importantes e conhecidas de outrora, ou por fábulas.

Northrop Frye, grande literato e crítico literário canadense, observou que as histórias da literatura inglesa já estavam, de certo modo, contidas na Bíblia, isto é, as maiores histórias têm algo de real, de fundamental e de transcendental.

Vários dos antigos contos populares e infantis carregam essa adequação dos mitos, essa transcendência, o trato com o que há de mais fundamental na condição humana, e também trazem essa bagagem as obras dos mais competentes artistas que já andaram entre nós. É desse tipo de material que a Disney costuma, ou costumava, tirar as suas obras. “A Bela Adormecida” foi uma história popular imortalizada por Charles Perrault e pelos Irmãos Grimm, e “A Pequena Sereia”, antes de ser uma animação de sucesso, era um conto do escritor dinamarquês Hans Christian Andersen.

Veja também

Mais informações

Disclaimer: exceto quando explicitado na publicação, não temos nenhuma ligação com o conteúdo divulgado ou seuu(s) criador(es). É também interessante notar que, apesar do nome do site, nem todo conteúdo publicado aqui pode ser rotulado como "de direita" ou de algo que o valha. Pode ser simplesmente algo interessante e/ou edificante que mereça ser arquivado ou pra realizar um simples registro histórico. Saiba mais sobre o Direita.TV aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *