Padre Paulo Ricardo – Solenidade da Imaculada Conceição de Nossa Senhora

Homilia Diária do Padre Paulo Ricardo em celebração da Solenidade da Imaculada Conceição de Nossa Senhora, data que é comemorada em 8 de dezembro e é dia de guarda para todos os fieis católicos.

Classificação: 0 / 5. Votos: 0.

Padre Paulo Ricardo – Solenidade da Imaculada Conceição de Nossa Senhora

A Homilia Diária de número 1651 do Padre Paulo Ricardo em celebração da Solenidade da Imaculada Conceição de Nossa Senhora, data que, inscrita no calendário litúrgico pelo Papa Sisto IV a 28 de fevereiro de 1477, é comemorada em 8 de dezembro e é dia de guarda para todos os fiéis católicos.

A Santíssima Virgem Maria, por um privilégio especial de Deus, foi inteiramente preservada do pecado original desde o primeiro instante de sua concepção. Essa é uma verdade de Fé.

Na homilia, o Pe. Paulo Ricardo nos explica que, em seus eternos desígnios, ao dispor como se realizaria a nossa redenção e restauração à vida da graça, Deus elegeu a Virgem Imaculada, concebida sem mancha de pecado, não só por tê-la amado mais do que a qualquer outra criatura, mas pelo infinito amor com que nos amou também a nós, privilegiados e elegidos para ter, nela, uma Rainha tão boa, uma Senhora tão pura e uma Mãe tão santa. Ele também fala no que tudo isso implica.

Assista à homilia do Pe. Paulo Ricardo para esta terça-feira, dia 8 de dezembro de 2020, e demos glórias ao Deus uno e trino pelo privilégio da Imaculada Conceição de Maria, na qual, sendo gerado Cristo, fomos gerados os membros dele!

Imaculada Conceição da Santíssima Virgem: o santo do dia 8 de dezembro

Em 1854, atendendo aos anseios mais profundos de toda a Igreja, o Papa Pio IX proclamou como dogma de fé a Imaculada Conceição de Maria.

Quase desde o seu nascimento, o Brasil vive sob o manto e o patrocínio de Maria Imaculada. Nossa Pátria, filha e de certa forma obra-prima de Portugal, desde 1646, estava consagrada à Imaculada Conceição, pois, naquele ano, o Rei D. João IV, reunido com as Cortes gerais do Reino, consagrou Portugal e todos os seus domínios a Nossa Senhora da Conceição. À mesma Padroeira Imaculada – sob o título de Nossa Senhora da Conceição Aparecida – o Brasil se quis devotar desde seus primórdios de nação plenamente emancipada.

Em 1904, a Imagem da Aparecida foi solenemente coroada, por mandado do Papa São Pio X, com uma coroa de ouro cravejada de 40 brilhantes que lhe fora oferecida pela Princesa Isabel. E em 1930, atendendo a uma solicitação do Episcopado Brasileiro, o Papa Pio XI declarou Nossa Senhora da Conceição Aparecida Padroeira Principal do Brasil.

Veja também

Adicionado em: 8 de dezembro de 2020

Visualizações: 17

Duração: 08:53

Categorias: Curtos

Marcadores: , , ,

Canal: Padre Paulo Ricardo

Publicado por: Equipe Direita Realista


Link:

Deixe um comentário

Alguns posts relacionados